segunda-feira, 28 de julho de 2008

HOMENS DE ENTENDIMENTO

“Igualmente vós, maridos, vivei com elas com entendimento,
dando honra à mulher, como vaso mais frágil,
e como sendo elas herdeiras convosco da graça da vida,
para que não sejam impedidas as vossas orações.” (1 Pedro 3.7)

Você, marido, já parou para pensar que as suas atitudes para com a sua esposa interferem nos efeitos da sua oração? Não sou eu quem está dizendo, é a Bíblia! A maneira como eu vivo com a minha esposa afeta minha comunhão com Deus. Isto é mais sério do que você possa imaginar!

Este versículo precisa ser interpretado em conexão com todo o seu contexto. Nos versos anteriores (1-6) compreendemos que da mulher requer-se a entrega. Aqui fica claro que o marido dê à sua mulher um tratamento que o torne merecedor desta entrega. Qual é a mulher que se negará a entregar-se ao homem que a ame, a respeite e a honre? Aqui está a perfeição do conceito e do conselho cristão. A entrega da mulher é a resposta que ela dá ao amor que recebe do seu marido. O marido, por sua vez, ama a sua mulher a fim de oferecer-lhe a segurança e a confiança que garantam uma relação estável e duradoura.

O apóstolo Pedro recupera o valor e a necessidade de que os homens desenvolvam sua vida devocional com intensidade e profundidade. Ao longo do tempo, a responsabilidade de sustentar espiritualmente o lar foi transferida para a mãe. Os maridos tornaram-se omissos.

Homens, precisamos reassumir o seu papel de pastoreio da nossa casa! A esposa mais segura em seu casamento é aquela cujo marido é homem de oração e estudo da Palavra. A sua comunhão com Deus reflete na maneira como você, marido, lidera com segurança e amor a sua família. Este é o caminho daqueles que são conhecidos como homens de verdade.

Tony Campolo diz: “À medida que o marido e a esposa se movem cada vez mais em direção a Cristo, a distância entre eles diminui e eles chegam cada vez mais perto um do outro”.

Ou nós homens recolocamos o nosso coração no Altar, ou nossa casa vem sendo edificada sobre a areia. Sendo assim, as lutas, as dores, as provações serão sempre uma terrível ameaça.

Que Deus nos dê entendimento para reconhecermos e assumirmos o papel que é nosso, e de mais ninguém!

2 comentários:

Eunice Vianna disse...

Parabéns Pastor, pelas suas palavras.
Todo homem, deveria ler e colocar em pratica.
Que Deus continue lhe usando para nos abençoar.
Eunice

edilberto disse...

Olá Pastor!
Fui ricamente abençoado por seu texto. Tenho crescido e aprendido bastante, de Deus, sobre esses assunto em minhas devocionais. Seu texto me fez recordar do capítulo 5de Nm, que li ontem, onde Deus agia de forma que não se corrompesse a unidade familiar.
Temos esse compromisso!

Leia as Atualizações no seu Reader

Pra Cumprir Teu Chamado

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails