terça-feira, 18 de março de 2008

MELHOR NÃO DEIXAR O OVO CAIR

“A história da Páscoa é um mito”, dizia o professor de ciências de uma escola a seus alunos, alguns dias antes da Páscoa. “Jesus não saiu do túmulo,” continuou, “mas, primeiramente, não existe nenhum Deus no céu que possa permitir que seu filho seja crucificado.”

“Senhor, eu acredito em Deus”, Jimmy protestou. “E eu acredito que ele ressuscitou!”

“Jimmy, você pode acreditar no que você quiser, é claro,” o professor respondeu. “Porém, no mundo real não existe a possibilidade de tais milagres, como a ressurreição. Ninguém que acredite em milagres pode respeitar a ciência.”

“Deus não é limitado pela ciência,” Jimmy respondeu. “Ele criou a ciência!”

Incomodado com o modo como Jimmy defendia sua fé, o professor propôs um experimento cientifico. Foi até a geladeira e pegou um ovo de galinha.

“Eu vou deixar este ovo cair no chão,” começou o professor. “A gravidade vai fazer com que ele caia no chão e se despedace. “Olhando fixamente para Jimmy, ele continuou: “Agora, Jimmy, eu quero que você faça uma oração e peça ao seu deus para que quando eu soltar este ovo ele não caia no chão e se quebre. E se ele conseguir fazer isto, você terá provado que Deus existe, e eu terei que admitir isso.”

Após pensar por um momento sobre o desafio, Jimmy lentamente começou sua oração. “Querido Pai celeste,” ele iniciou. “Eu peço que quando o meu professor soltar este ovo... ele caia no chão e se quebre em uma centena de pedaços! E também, Senhor, eu peço que quando este ovo quebrar, meu professor tenha um ataque cardíaco fulminante e morra. Amém.”

Após os cochichos da classe, veio um silêncio fúnebre. Por um momento o professor não fez nada. E por fim ele olhou para o Jimmy e depois para o ovo. E, sem dar uma palavra, ele cuidadosamente devolveu o ovo na geladeira. “Classe dispensada” disse o professor enquanto sentava na sua cadeira.

O professor aparentemente acreditava mais em Deus do que ele mesmo imaginava. Muitas pessoas são como este professor, negam que Deus existe, mas correm para ele nos momentos difíceis. Porém questionam, e o atacam todas as vezes que tem chance. Jimmy sabia que Deus não iria matar o seu professor naquele momento, mas também sabia que seu professor não apostaria sua vida por um ovo.

Assim também acontece comigo e com você. Quando somos colocados em xeque-mate, quando a nossa vida está em jogo, quando pouco nos resta a não ser a fé, corremos em direção a ela.

Todos nós revelamos a nossa fragilidade quando se trata de viver ou morrer. Sabemos que a morte é mais forte do que a nossa vontade e do que a nossa capacidade.

É aqui, então, que nos lembramos daquele que morreu e ressuscitou. O único que venceu a morte. Ele é a vitória!

Com ele, torna-se possível encarar a morte sob outra perspectiva. Podemos enfrentar a morte com esperança. Esperança de vida eterna. Vida que começa aqui. Começa pela paz, pela graça e pela alegria da salvação.

A morte com fim é inevitável. Mas a Vida Eterna é a realidade de que até mesmo a morte é vencida.

ALELUIA! ELE ESTÁ VIVO! CRISTO É A NOSSA PÁSCOA!

2 comentários:

k re k disse...

conheço esta história com o professor soltando o ovo. Ele bate na barra da calça, rola pelo pé e não se quebra.
Não me lembro do final moral, mas este q vc colocou está legal.

Diogo de Jesus Pereira disse...

Conheço essa história com o Giz.
O Pior é correr para Deus quando tudo esta mal, e depois que Deus abençoar e melhorar, a pessoa se afasta de Deus.

Leia as Atualizações no seu Reader

Pra Cumprir Teu Chamado

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails